Para usufruir de todas as funcionalidades deste site necessita de ter o Javascript activado!

Cientista financiado pela UE entre ganhadores do Prêmio Nobel de Física

quinta-feira , 11 Outubro 2018

Cientista financiado pela UE entre ganhadores do Prêmio Nobel de Física

O Prêmio Nobel de Física de 2018 foi premiado com metade para Arthur Ashkin e a outra metade em conjunto com Gérard Mourou e Donna Strickland pelo seu trabalho inovador em física de laser. Em 1985, Gérard Mourou e Donna Strickland abriram o caminho para os pulsos de laser mais curtos e intensos já criados pela humanidade. Os lasers de alta intensidade são usados ​​para aplicações industriais e médicas, incluindo milhões de cirurgias oculares corretivas.

 

Carlos Moedas, Comissário de Investigação, Ciência e Inovação, disse: "Felicito calorosamente Arthur Ashkin, Gérard Mourou e Donna Strickland pelas suas realizações. Tenho orgulho em dizer que o financiamento da UE apoiou um dos vencedores do Prémio Nobel deste ano." Gérard Mourou recebeu financiamento da UE ao abrigo do programa anterior de investigação e inovação. O pioneiro dos lasers ultra-rápidos foi apoiado de 2012 a 2015, para o ambicioso projeto internacional ICAN (International Coherent Amplification Network), que unifica o laser e a física de alta energia.

O objetivo do projeto foi o desenvolvimento de um novo sistema de laser composto por milhares de lasers de fibra. Tal sistema pode transformar o lixo nuclear, que pode "sobreviver" por milhares de anos, em materiais com períodos de vida muito mais curtos, em última análise, aliviando o problema do gerenciamento de resíduos nucleares.

Sétima - Tecnologias da Informação e Comunicação Lda